Transporte dos idosos, recapeamento e zeladoria pública foram alguns assuntos abordados na Câmara

http://www.minhasaojose.com.br

Os serviços públicos de manutenção voltaram a ser assunto entre os vereadores durante a 10ª Sessão Ordinária da Câmara, promovida na tarde de terça-feira, dia 29.

Em uma de suas proposituras, o vereador Antônio José Quessada Neto, o Toco, sugeriu ao Executivo a recolocação de torneira no Terminal Rodoviário. Ele justificou dizendo que a torneira é utilizada principalmente pelos caminhoneiros, no espaço onde ficam os caminhões de carga.

Já o vereador Henrique Torres, atendendo demanda dos moradores do bairro São Domingos, solicitou ao Executivo informações sobre a programação para limpeza e manutenção de praça naquele bairro. Conforme o vereador, o espaço conta com equipamentos de uma academia ao ar livre e está com mato muito alto, necessitando, com urgência, de serviços de zeladoria.

A notificação a proprietários de terrenos que não cuidam dos espaços foi tema de várias proposituras do vereador Moraci Bállico. Em uma delas, ele sugeriu que a Prefeitura notifique proprietário de terreno à rua Mário Escoqui, no bairro Santo Antônio, para que proceda a limpeza do espaço, já que vizinhos reclamaram da presença de animais peçonhentos, entre eles escorpiões.

O vereador também pediu que o Executivo notifique proprietários de mais dois terrenos, sendo um deles localizado à rua Anibal Sá Pinto e outro à rua Ulisses Vitor Gervásio.

O vereador Paulo Sérgio Rodrigues sugeriu, em uma de suas proposituras, que o Executivo elabore política que atenda preferencialmente os idosos no transporte da Saúde Municipal. Ele observou que têm sido recorrentes os problemas enfrentados com o transporte de idosos, principalmente os que fazem tratamentos de saúde em hospitais localizados em cidades muito distantes.

A Guarda Municipal foi tema de uma das proposituras do vereador Gabriel Navega ao Executivo. Ele solicitou informações sobre quais setores a GCM está atuando, onde os guardas civis municipais estão lotados, inclusive os horários de trabalho e também se os banheiros do Epidauro, que são patrimônio público, estão sendo monitorados pela Corporação.

Navega justificou destacando que a solicitação visa colher informações que serão repassadas a munícipes que o questionaram sobre o vandalismo e a pichação no referido teatro de arena.

Em uma de suas proposituras ao Executivo, o vereador professor Rafael Kocian solicitou informações sobre isenção de cobrança de IPTU de entidades filantrópicas do município. Ele quer saber se existem instituições que possuem isenção dessa cobrança e, em caso afirmativo, quais delas, bem como valores de isenção para este ano.

O vereador também questionou a SAERP sobre isenção de tarifa de água às entidades filantrópicas. Ele solicitou informações sobre quais instituições possuem essa isenção, se é feita a leitura de consumo, média de consumo e a quantidade de hidrômetros existentes nas entidades. Ele justificou os questionamentos destacando a função fiscalizadora do vereador após solicitações de munícipes.

A vereadora Thais Nogueira sugeriu ao Executivo Municipal a construção de monumento comemorativo aos 200 anos da Independência do Brasil. Ela observou que um monumento foi erguido em comemoração aos 100 anos da Independência, estabelecido na região central, atrás da Igreja Matriz, entre a estreita rua Adauto Vitali e rua Dr. João Gabriel Ribeiro. “Ocorre que este espaço foi criado a partir da reforma da Praça Capitão Luiz de Mello e a criação da rua Adauto Vitali, que acabou obrigando a retirada do monumento, que, inclusive, nunca mais foi visto. Uma perda imensurável ao patrimônio cultural da cidade. Porém, temos a oportunidade de erguer um novo monumento, desta vez referente aos 200 anos da Independência. Em respeito aos rio-pardenses que se mobilizaram e construíram o monumento 100 anos atrás, nada mais justo e merecedor que recuperar parte da história, criando este espaço novamente”, justificou a vereadora.

Já no Expediente Livre, o vereador Pedro Giantomassi destacou o Programa Mais Asfalto, promovido pela Prefeitura, informando que já haviam iniciado os trabalhos de recapeamento em ruas nos bairros São Roque e Bonsucesso. “Serão recapeadas todas as ruas dos bairros São Roque e Bonsucesso, além da ligação entre os bairros pelo Jardim Margarida. Além disso, outros bairros já estão com empresa contratada e nas próximas semanas também terão seus recapeamentos iniciados: Avenida do Distrito Industrial, Natal Merli, Jardim São Bento, Agenor Tadei e Jardim Bela Vista”, concluiu o vereador.

Texto e fotos: Natália Tiezzi – Assessoria Parlamentar da Câmara Municipal.

http://www.minhasaojose.com.br
error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br