Estilista rio-pardense lança coleção sustentável e inédita na cidade

http://www.minhasaojose.com.br
LANÇAMENTO DA COLEÇÃO DE FABIANE PIOLTINE RACHID, QUE ASSINA A MARCA “FABI PIOLTINE”, SERÁ NESTE SÁBADO, DIA 25, NA LOJA REI MAGAZINE

Reportagem e texto: Natália Tiezzi Manetta

Mais essência e menos tendência, utilizando o que a natureza tem a oferecer para uma moda sustentável e, claro, exclusiva. Essa é a proposta da estilista rio-pardense Fabiane Pioltine Rachid para sua nova e inédita coleção, que será lançada neste sábado, dia 25, a partir das 14h00, na conceituada loja Rei Magazine.

A novidade já começa pelos tecidos, cuja marca Fabi Pioltine optou pelos compostos por fibras naturais, a exemplo do algodão, a viscose, o modal e o liocel, cujos tecidos são transformados em verdadeiras obras de arte com as idéias e mãos da estilista.

O que também chama a atenção na coleção desenvolvida por Fabi Pioltine é a mistura de cores, cuja estamparia, além do processo tradicional, que inclui até mesmo pintura à mão, é realizada por meio de cores extraídas, literalmente, da natureza por meio das flores. “Minha marca está acompanhando uma nova tendência mundial, que é a moda sustentável, onde busca-se agredir o menos possível o planeta utilizando tudo que a natureza tem a nos oferecer, o que inclui desde as fibras para tecelagem até as cores, onde utilizamos técnicas da estamparia botânica”, explicou.

Além da beleza e autenticidade das peças, que pela própria forma como são constituídas se tornam únicas, a estilista destacou que as fibras naturais não causam problemas alérgicos, entre outros, como uma confecção cuja base é o Poliester. “Hoje, infelizmente, 70% da indústria mundial utiliza o Poliester, que é o resultado da queima do petróleo misturado ao plástico para compor suas peças. Por isso esse tipo de confecção agride o corpo, pode causar alergia, pois não deixa a pele ‘respirar’, como costumamos dizer”.

A valorização do trabalho artesanal também se faz presente na marca Fabi Pioltine. “Muitas técnicas, como o Macrame, que é milenar, ou mesmo o tingimento natural e pintura das peças exigem técnicas artesanais e aquele toque feminino indispensável. E todo processo artesanal é feito aqui em São José, já que o corte, modelagem e costura são realizados em São Paulo. Uma das missões da marca é promover esse empoderamento feminino por meio da descoberta de novos talentos na mulher, valorizando seu aprendizado e criatividade, bem como proporcionar oportunidade para que possa ter mais autonomia financeira”, afirmou a estilista.

Para as mulheres que estão curiosas em saber o que Fabi Pioltine apresentará no Rei Magazine, ela destacou algumas peças que estarão disponíveis, sendo essas da Linha Collezione. “Dentro dessa linha teremos a linha Cruiser, composta por biquínis, inclusive em Macrame, cangas com estamparias botânicas, bem como alguns vestidos e calças de linho, numa linha mais alfaiataria, além, é claro, das camisetas pintadas à mão”, disse.

Além desta linha, a estilista também está desenvolvendo a Linha Culture, com peças confeccionadas sob medida para noivas, madrinhas e para ocasiões especiais como formaturas e eventos sociais.

CRIAR: UM SONHO SENDO REALIZADO DENTRO DA PRÓPRIA CASA

A história de Fabi com a moda começou desde a infância. Aos 6 anos ela aprendeu a desenhar vestidos e afins através de revistas de moda. “Com 10 anos já desenhava minhas próprias roupas e levava na costureira! Eu sempre quis ser estilista, tanto que ao completar 18 anos fui para São Paulo decidida a fazer faculdade de Moda, que conclui, assim como o pós-graduação pela Faculdade Santa Marcelina”, informou Fabi.

Nestes mais de 20 anos dedicados a essa verdadeira paixão, a estilista trabalhou para diversas marcas de renome nacional. Em 2008, Fabi teve a oportunidade de residir por um ano em Londres, onde fez um curso específico em moda pela Universidad Saint Martins, além de conhecer e fazer um estágio em Alta Costura com o estilista Boudicca, reconhecido mundialmente pelas suas criações.

Os dois últimos anos da estilista antes de voltar a São José foram em Santa Catarina, onde prestou serviços para uma marca de confecções. “Porém, acho que meu relógio biológico despertou. Assim que completei 40 anos decidi que precisava dar um novo rumo à minha profissão. Eu queria me dedicar a algo para mim e como trabalhei praticamente a vida toda com Moda, sendo apaixonada por esse universo, pensei: por que não uma marca minha, em que eu possa colocar a minha identidade? E foi assim que nasceu a marca Fabi Pioltine”.

A estilista deixou o trabalho em Santa Catarina e voltou à terra natal há um ano e meio. “Confesso que foi uma grande reviravolta na minha vida pessoal e profissional, mas necessária. Neste tempo procurei me dedicar aos estudos nestes novos trabalhos, agora autorais. O ineditismo da moda sustentável está sendo um grande incentivo para mim”. observou.

Para auxilia-la nas produções, Fabi conta com a artista plástica Márcia Nicolau, unindo criatividade e vivências bem distintas quando o assunto é moda. “Estou descobrindo um novo universo de possibilidades, agora na Moda! Minha arte, que sempre foi voltada às telas e tintas, está dando espaço ao toque suave das fibras naturais e às cores incríveis que vem da natureza. Uma experiência de muito aprendizado, criatividade e liberdade”, destacou Márcia.

Todas as técnicas artesanais são realizadas em um espaço muito especial na própria residência da família de Fabi. “Aqui as criações fluem e também será meu ateliê quando iniciarmos os atendimentos para a Coleção Culture, com as confecções sob medida”.

Para finalizar, a reportagem questionou a estilista sobre as expectativas do lançamento da marca Fabi Pioltine e se a vinda para São José foi uma decisão acertada. E ela, com um brilho no olhar, respondeu: “Voltar à terrinha foi a decisão mais acertada da minha vida, pois estou colocando em prática aquilo que sempre amei fazer, que é criar! Aqui estou em meio a meus familiares, amigos e sei que posso contar sempre com eles. Minhas expectativas são as melhores possíveis, pois estamos preparando tudo com muito amor, dedicação e respeito ao Meio Ambiente. A idéia da marca é, realmente, propagar a natureza, a arte, para que possamos usar a moda como liberdade de expressão”, finalizou.

http://www.minhasaojose.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.