Renovias realiza ações de orientação sobre animais soltos nas rodovias

http://www.minhasaojose.com.br
Em 2020 foram registradas 121 ocorrências envolvendo animais nas pistas na Rodovia que liga Vargem Grande do Sul a Casa Branca

A Renovias, concessionária que liga Campinas ao Circuito das Águas e sul de Minas Gerais, vem intensificando o trabalho de orientação de moradores que detém animais em locais próximos às rodovias administradas, sobre os perigos de deixá-los soltos, de forma que possam adentrar às vias de fluxo rápido. Nas últimas semanas, colaboradores da empresa distribuíram panfletos no Jardim Santo Helcio em Vargem Grande do Sul.

Além dos panfletos, a concessionária também entregou cartazes que foram fixados em locais de grande circulação, como espaços públicos e em agropecuárias, como forma de orientação aos proprietários de animais, com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente do Município.

A Rodovia Hélio Moreira Salles (SP-215), que liga os municípios de Vargem Grande do Sul a Casa Branca, é um dos locais com maior número de ocorrências envolvendo animais. Em 2020, foram 121 ocorrências somente neste trecho. A maioria delas envolve equinos, com 82 ocorrências, seguido por animais caninos e bovinos. Neste ano, foram 12 registros entre janeiro e fevereiro.

O coordenador de atendimento da Renovias, Vinicius Antonioli, explica o que motivou os trabalhos de orientação. “A quantidade de ocorrências do tipo é alta neste trecho e nos alerta para o grande perigo de deixar animais soltos próximo às rodovias. O risco de atropelamento é grande e isso pode resultar em acidentes e, inclusive, a morte do animal”, comenta.

Quando identificados, proprietários ou detentores de animais podem responder, civil e criminalmente, pelos danos que eles causarem a terceiros em acidentes nas rodovias. Dessa forma, é importante lembrar que os animais devem permanecer em local seguro, dentro dos limites da propriedade, por meio de cercas apropriadas para esta finalidade.

Vale ressaltar que as cercas públicas (padrão DER) que margeiam as rodovias estaduais têm a função, única e exclusiva, de delimitar a faixa de domínio do Estado de São Paulo. Portanto, tais cercas não têm a finalidade e nem características de impedir a saída de animais das propriedades lindeiras às rodovias.

“Os proprietários devem ser responsáveis pela segurança dos animais e impedir que eles adentrem na faixa de domínio administrada. Caso não seja possível identificar os proprietários ou o local de onde vieram, os animais podem ser recolhidos pela concessionária”, finaliza Antonioli.

Folhetos educativos foram entregues a moradores que detém animais próximos às rodovias

O QUE FAZER AO ENCONTRAR UM ANIMAL NA PISTA?

Ao avistar um animal à frente, reduza a velocidade;

Nunca buzine ou jogue luzes dos faróis para não assustar o animal;

Feche os vidros do veículo ao passar perto de animais de grande porte;

Se for necessário ultrapassar, siga por trás dos bichos;

Ligue e comunique o fato para o 0800 da concessionária responsável ou para a Polícia Militar Rodoviária (190).

http://www.minhasaojose.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br
%d blogueiros gostam disto: