Sincopar: Em nova sede há 1 ano, Sindicato presta serviços à toda população de São José e região

http://www.minhasaojose.com.br
O presidente Izonel Tozini explicou sobre a integralização regional para que mais cidadãos sejam beneficiados, inclusive com convênios e o programa de logística reversa

Reportagem e Texto: Natália Tiezzi Manetta

Criado há 29 anos, o Sincopar – Sindicato do Comércio Verejista da Região de São José do Rio Pardo está se modernizando para oferecer seus inúmeros serviços não apenas para os associados, mas também para toda a sociedade. Em entrevista ao site, o atual presidente, Izonel Tozini, que está à frente da instituição desde 2013 e ficará no posto até 2022, destacou as mudanças positivas com a construção da nova sede e observou que, assim como os demais órgãos que promovem um trabalho de caráter público, o Sincopar está buscando parcerias e alternativas que beneficiem a população, principalmente por meio de serviços, com o firmamento de inúmeros convênios nas mais diversas áreas.

“Buscar essas alternativas para abranger um número cada vez maior de pessoas proporcionando serviços de qualidade, além daqueles que já proporcionamos aos nossos associados, também foi uma forma de equilibrar o orçamento aqui no Sindicato, já que manter as contas em dia não é nada fácil. É preciso muito trabalho e, claro, entender que o Sincopar atualmente é um Sindicato do povo e feito para o povo”, disse Izonel.

A MUDANÇA PARA A NOVA SEDE

Uma das maiores conquistas do Sincopar nestes últimos anos foi a construção de sua nova sede, à rua Curupaiti, 88. Izonel explicou que o prédio, que constitui uma área de 800 metros quadrados, se fez necessário justamente para que o Sincopar atendesse a população com mais comodidade, bem como oferecer mais espaços para que o próprio associado pudesse desfrutar, como é o caso do novo auditório, que será utilizado para palestras, mini cursos intensivos, etc. Inclusive, na próxima quarta-feira, dia 18, acontece a 1ª palestra no espaço, que será ministrada pelo professor Antônio Vicente Golfeto, com inscrições abertas.

“Nossos 16 colaboradores, entre eles da Jucesp – Junta Comercial do Estado de São Paulo, cujo escritório regional também funciona aqui, estão muito satisfeitos em trabalhar em um ambiente propício, que cumpre todas as normas de segurança e acessibilidade. A construção da Sede foi pensada para um Sindicato que possui quase três décadas de excelência em prestação de serviços aos empresários locais e regionais, o qual será utilizado por muitos e muitos anos, já que sua estrutura foi desenvolvida para isso”, observou o presidente.

Outro ponto positivo da mudança para a nova sede foi a otimização dos trabalhos. “Aqui está tudo mais organizado e a modernização garante a prestação de serviços com mais agilidade. Hoje, por exemplo, conseguimos abrir uma empresa no mesmo dia por aqui” na Jucesp, afirmou Izonel.

SERVIÇOS E CONVÊNIOS

O Sincopar abrange, além de São José do Rio Pardo, mais sete cidades da região, sendo Itobi, São Sebastião da Grama, Tapiratiba, Caconde, Mococa, Divinolândia e Casa Branca. O presidente destacou que o Sindicato Patronal também tem o caráter de promover três Convenções Coletivas, entre elas junto ao Sindicato dos Motoristas, do comércio em geral e a das empresas de Gêneros Alimentícios. “Para que as mesmas aconteçam, o Sincopar conta com apoio de juristas, sociólogos, antropólogos, ou seja, buscamos embasamento para cada negociação a ser realizada, sempre com ideias progressistas e que não fujam à realidade”.

Como o Sincopar representa várias categorias, ele possui associados destas e também sócios participativos, sempre dispondo de orientação para todos, inclusive para aquele que ainda não é associado. “Acredito que a informação e a orientação correta também contribuem para o êxito nos negócios e fazemos questão de atender a todos. Para se ter uma idéia, o cidadão que procura o Sindicato para a abertura de uma empresa terá orientação jurídica gratuita. Não é um diferencial, mas sim um dever do Sincopar em incentivar cada vez mais o empreendedorismo”.

O Sincopar conta ainda com o Programa Logística Reversa, que viabiliza a coleta de materiais inutilizados como pilhas e baterias para descarte em local adequado evitando, assim, a contaminação do solo e da água. Esses materiais altamente cancerígenos são coletados de forma gratuita para as empresas associadas ao Sincopar.

E Izonel disse que a oferta de serviços pelo Sincopar tende a aumentar, pois a instituição objetiva a integralização dos municípios, o que gerará mais oportunidades de parcerias comerciais e, claro, convênios, que estão sendo um dos carros-chefes do Sindicato.

“Queremos proporcionar ainda mais opções para nossos associados, bem como para a sociedade em geral, sempre com parceiros de confiança, que ofereçam produtos e serviços de qualidade, porém a preços mais acessíveis em virtude dessa integralização dos municípios. Todos podem esperar que nos próximos meses vem muita coisa boa. Disse e repito: o Sincopar é um Sindicato de todos e para todos. Estaremos sempre trabalhando (e muito) no intuito de fomentar a economia, bem como contribuir para que a população tenha mais qualidade de vida ”, finalizou Izonel.

http://www.minhasaojose.com.br
error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br