Fisioterapeuta Karina Maida explica os benefícios da Irradiação de Laser Intravascular

http://www.minhasaojose.com.br
A fisioterapeuta explicou que a técnica auxilia no tratamento de doenças como a hipertensão arterial, diabetes, artrite, endometriose, fibromialgia, além de prevenir o envelhecimento

Abrindo a série de entrevistas com a fisioterapeuta Karina Maida Uchiyama neste 2021, da Clínica Benessere, o www.minhasajose.com.br aborda os benefícios da irradiação de laser intravascular que, segundo a profissional é uma técnica promissora na promoção da saúde e bem estar e já está disponível em sua clínica.

A irradiação de laser intravascular auxilia no tratamento de várias doenças e também favorece a proteção das células contra mutações e envelhecimento. “Esta técnica não promete a cura de nenhuma doença, mas, com certeza, vem como uma terapia complementar aos demais tratamentos, de forma a melhorar muito a qualidade de vida do paciente, inclusive sua sensação de bem estar, além de atuar de forma a controlar o envelhecimento precoce”, destacou Karina.

Confira, abaixo, a entrevista na íntegra.

Karina, em que consiste a irradiação a laser intravascular?

Karina Maida Uchiyama: A técnica de Irradiação a Laser Intravascular (ILIB) consiste na aplicação contínua e direta de laser terapêutico na região da artéria radial utilizando aparelhos e técnicas específicas. É um protocolo relativamente novo, mas que tem despertado grande interesse de pesquisadores e pacientes, uma vez que é uma proposta terapêutica complementar promissora utilizada para o tratamento de diversas doenças crônicas e agudas.

Quais são os benefícios desta nova técnica?

Podemos citar que a técnica auxilia no tratamento de doenças como a hipertensão arterial, diabetes, artrite, endometriose, fibromialgia, etc.

Além de doenças, ela também previne o envelhecimento? Como?

Os efeitos do laser utilizado de forma sistêmica, ILIB, está relacionado ao aumento do metabolismo e da síntese de uma enzima (superóxido dismutase), que inibe a ação das espécies reativas de oxigênio, favorecendo à proteção das células contra mutações e envelhecimento. Por este motivo esta técnica também é bastante utilizada para fins estéticos, prevenindo e minimizando o envelhecimento cutâneo. Além disso, o ILIB é capaz de alterar a fluidez sanguínea, auxiliando no controle de doenças cardiovasculares, através da interferência na cascata do ácido araquidônico e na produção de prostaglandinas. Dessa forma, esta técnica pode gerar: analgesia (controle da dor), ação anti-inflamatória, ação anti-envelhecimento, anti-edematoso, além de estimular o sistema imunológico e a reparação tecidual.

E há contra indicações à irradiação à laser intravascular?

Sim. Ele possui algumas contraindicações para ser aplicado, por isso, a avaliação de cada paciente é imprescindível para averiguar se ele é um bom candidato a técnica, além de permitir encontrar a dosagem mais adequada a cada caso.

Como essa técnica é aplicada no paciente?

A técnica não causa dor e não é invasiva. O número de sessões vai depender do objetivo do tratamento e da indicação para cada paciente. As sessões são realizadas de 1 a 3 vezes por semana, dependendo do caso. Porém, é importante frisar que esta técnica não promete a cura de nenhuma doença, mas, com certeza, vem como uma terapia complementar aos demais tratamentos, de forma a melhorar e muito a qualidade de vida do paciente melhorando sua sensação de bem estar, além de atuar de forma a controlar o envelhecimento precoce.

http://www.minhasaojose.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br