Confira os assuntos abordados pelos vereadores na Câmara nessa semana

http://www.minhasaojose.com.br

Inadimplência referente às contas de água, Centro Oncológico Lucas Tapi em Rio Pardo, andamento das obras no Canil, quadra da FEUC e campanhas de conscientização no trânsito foram alguns temas de proposituras apresentados durante a 5ª Sessão Ordinária da Câmara, promovida na tarde de terça-feira, dia 15.

O vereador Gabriel Navega solicitou aos municípios da região que integram a DRS XIV informações sobre dados específicos de portadores de câncer, inclusive a quantidade de homens, mulheres e crianças em tratamento.

“Essas informações embasarão o desenvolvimento do projeto estrutural para a construção do Centro Oncológico Lucas Tapi em São José, que objetiva assistir não apenas pacientes rio-pardenses, mas de toda a região”, justificou o vereador.

Já a vereadora Thais Nogueira solicitou à Diretoria Municipal de Segurança e Trânsito informações sobre a realização de campanhas de conscientização, educação e segurança no trânsito. Ela questionou se realmente estão sendo promovidas, a periodicidade, temas abordados e, em caso negativo, se há algum planejamento para que sejam promovidas, principalmente orientando os condutores e pedestres em locais de grande tráfego.

Uma Emenda Impositiva, cujo recurso seria utilizado à aquisição de veículo para captura de animais em situação de risco foi tema de requerimento elaborado pelo vereador Antônio José Quessada Neto (Toco).

“Gostaria de saber sobre a previsão de aquisição deste veículo, conforme destinado pela Emenda Impositiva nº 02/2021 à Secretaria Municipal de Saúde e Medicina Preventiva – Centro de Controle de Zoonoses. O município precisa muito deste veículo que auxiliará na captura de muitos animais, que infelizmente ainda estão em situação de risco”, justificou o vereador.

A inadimplência no pagamento de contas de água foi questionado pelo vereador professor Rafael Kocian à SAERP. Ele também indagou os procedimentos adotados pela autarquia relativos às cobranças dos referidos débitos.

“Gostaria de saber se a SAERP encaminha correspondência ou faz publicação informando o munícipe da existência do débito; qual prazo para protesto e inscrição e dívida ativa; se a SAERP tem ingressado com ação judicial para recebimento e se tem negativado o nome da pessoa física ou jurídica junto à SERASA e também após quanto tempo de inadimplência a autarquia faz o corte no fornecimento de água”.

Kocian justificou a propositura pela função fiscalizadora do vereador e pela solicitação de munícipes acerca do assunto.

Situação da Covid-19 no município, aquisição de veículo para captura de animais em situação de risco e preconceito nas redes sociais também foram destacados em Plenário

Dados mais específicos sobre a situação da Covid-19 no município foram solicitados pelo vereador Paulo Sérgio Rodrigues em requerimento direcionado à Secretaria Municipal de Saúde.

Na propositura, o vereador indagou sobre percentuais de óbitos, população vacinada com a 1ª, 2ª e 3ª doses. “Também gostaria de saber quantas pessoas com o esquema vacinal completo foram positivadas, quantos precisaram de internação e quantas vieram a óbito. Não apenas o vereador, mas a população precisa saber com mais detalhes sobre a situação da Covid na cidade, inclusive mencionada de forma mais objetiva nos Boletins divulgados pela Vigilância Epidemiológica”, observou.

Duas obras importantes ao município foram temas de requerimentos elaborados pelo vereador Henrique Torres e direcionados ao Executivo. Ele solicitou informações sobre o término das obras no Canil Municipal e o início das obras na quadra da FEUC. “As obras no Canil iniciaram em agosto de 2021, com previsão de término em dezembro, mas se encontram paradas. Com relação à construção da quadra da FEUC, no final do ano passado foi aprovado Projeto de Lei, dispondo sobre o recebimento de recursos, por meio de emenda parlamentar do ex-deputado Silvio Torres, feita em 2018. Estamos em 2022 e as obras não se iniciaram”, observou o vereador.

EXPEDIENTE LIVRE: VEJA ALGUNS TEMAS DESTACADOS EM PLENÁRIO

O vereador Pedro Giantomassi destacou a iniciativa do Executivo em disponibilizar mais um canal de comunicação aos munícipes, por meio de WhatsApp, que auxiliará na fiscalização do transporte público comum, bem como escolares que utilizam o passe. “Será uma maneira mais fácil do munícipe denunciar irregularidades e problemas relativos ao transporte público e isso auxiliará a Prefeitura para poder cobrar junto à empresa que presta os serviços essas adequações e melhorias”.

Pedro também falou sobre as próximas etapas do Programa Agro Rede, que objetiva proporcionar mais segurança ao produtor rural, além de conhecimento com aplicabilidade imediata com as seguintes vertentes: Fogo Zero (Prevenção as Queimadas), Agro Alerta (Segurança Familiar e Patrimonial) e Fábrica de Água (Segurança Hídrica). “Ficou estabelecido que será agendada uma reunião para a próxima semana na Cooxupé com os tutores de cada região para a entrega e distribuição das placas indicativas do Programa Vizinhança Solidária e orientação dos novos passos a serem tomados”, informou.

Quem também fez uso da palavra foi a vereadora Thais Nogueira, que repudiou a atitude de alguns internautas e principalmente de páginas anônimas em redes sociais, os quais, segundo ela, teceram comentário preconceituosos a Yuri Apoli, nomeada à Diretoria de Cultura do DEC. “Pessoas que sequer conhecem a Yuri, mal sabem sobre a competência e trabalho que pretende desenvolver no município, os quais são o que realmente importa com relação à ela, teceram comentários tão baixos, tão absurdos, que realmente repudio, assim como boa parte da população que entendeu que ela foi contratada para agregar seu conhecimento e dedicação à Cultura rio-pardense. E tenho certeza que ela agregará. É preciso, no mínimo, conhecer o trabalho de alguém para possíveis apontamentos, mas isso não foi possível com a Yuri. Lamentáveis os comentários de alguns internautas e as ‘matérias’ divulgadas por algumas páginas anônimas”, finalizou Thais.

A íntegra da Sessão Ordinária, em vídeo, pode ser acessada pela página da Câmara Municipal no Facebook

Texto e fotos: Natália Tiezzi – Assessoria Parlamentar da Câmara Municipal.

http://www.minhasaojose.com.br
error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br