Chef Janaína Rueda fala da famosa ‘Galinhada’ que faz sucesso na família

http://www.minhasaojose.com.br

Em entrevista ao site UOL, ela contou a história por trás do saboroso prato, que se tornou símbolo do Bar da Dona Onça

Um prato simples e saboroso, que se tornou o símbolo de um dos bares mais famosos de São Paulo, o “Dona Onça” contém muito além de bons ingredientes. Em uma entrevista bem humorada ao site UOL (Nossa Cozinha), a chef Janaína Rueda, contou um pouco da história da Galinhada, que, segundo ela, selou o casamento com o chef Jeferson Rueda, proprietário de outro famoso restaurante paulistano, Casa do Porco.

Janaína foi uma das chefs escolhidas pelo UOL para contar histórias sobre pratos que herdaram e que também faz sucesso com os filhos. A reportagem foi uma homenagem às chefs pelo Dia das Mães.

Ela disse que em torno do prato, em uma mesa de quintal, conheceu a família de Jeffinho. “Todo mundo conhece a galinhada como um prato-símbolo do Bar da Dona Onça. Foi a primeira receita que pensei para o menu porque ela já fazia parte da nossa história. Logo no começo do namoro, o Jeffinho quis que eu conhecesse a família dele. Eles moram no interior de São Paulo, em São José do Rio Pardo, em uma casinha bem simples. Como a copa é minúscula, construíram um telheiro no quintal, onde puseram uma mesa bem grande. Ao redor dela, tem pomar e galinheiro… Confesso que cheguei lá bem nervosa, porque a mãe do Jeffinho, Carmen, é muito religiosa e não gosta de bebida. Comemos a galinhada naquele quintal e ela ficou apavorada comigo, porque bebi pinga com o pai dele, José. Depois, quando fomos morar juntos e eu engravidei, tudo mudou. A Carminha amenizou e pude sentir todo o amor dela por nós. Virou minha mãe também”, contou Janaína durante a entrevista ao UOL.

E a Galinhada não faz sucesso apenas no Bar da Dona Onça, mas também na casa de Janaína e Jeffinho. “Meus filhos também amam galinhada. João Pedro tem 14 anos e Joaquim está com 11. Desde pequenos, eles passam temporadas na casa dos avós, pegam aves no galinheiro, ajudam a matar e depenar. Agora, durante o isolamento, descobrimos que os dois também amam cozinhar, algo que a gente não via antes porque não dava tempo. A galinhada segue sendo um prato nosso — e a gente nem precisa de ocasião especial para comer”, concluiu.

Janaína, acompanhada do marido, o chef Jefferson Rueda, e um dos filhos: cozinhando em família

Abaixo, os ingredientes e modo de preparo do prato

1 unidade(s) de cenoura em cubos

2 unidade(s) de cebolas em cubos

6 dente(s) de alho cortados ao meio

Sal a gosto

Pimenta-do-reino a gosto

Azeite a gosto

2 unidade(s) de galinhas caipiras inteiras, cortadas em partes

2 litro(s) de água

6 unidade(s) de tomates maduros em cubos

250 grama(s) de arroz agulhinha

500 grama(s) de quiabo picado

Azeite para refogar

Salsinha e cebolinha para finalizar

De véspera, faça uma marinada com a cenoura, as cebolas, o alho, sal, pimenta e azeite e tempere os pedaços de galinha. Deixe apurar de um dia para o outro. No dia seguinte, separe a ave da marinada e reserve. Em um frigideira, doure bem a galinha. Em outra frigideira, refogue a marinada até que doure bem. Junte tudo na panela de pressão, acrescente a água e os tomates e cozinhe por 25 minutos. Acerte o sal, deixe esfriar e desfie tudo, preservando o caldo. Em outra panela, coloque o frango desfiado com o caldo e o arroz agulhinha, cozinhe por 7 minutos e reserve. Em uma frigideira, salteie o quiabo no azeite por 3 minutos, incorpore ao arroz e misture. Em uma frigideira, salteie o quiabo no azeite por 3 minutos, incorpore ao arroz e misture. Salpique salsinha e cebolinha e sirva.

Dica da chef: pode usar outros legumes e verduras que estejam na geladeira, como repolho, abobrinha ou milho. Fica ótimo! (A receita rende 10 porções).

A entrevista completa da chef Janaína e das demais mamães chefs pode ser acessada no link: https://www.uol.com.br/nossa/noticias/redacao/2020/05/10/tres-maes-chefs-revelam-receitas-que-herdaram-e-agora-ensinam-aos-filhos.htm

A imagem de capa da matéria é do site: www.thebodyshop.com.br/

http://www.minhasaojose.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br