A oportunidade no caos: Agente de Turismo se reinventa para garantir renda

http://www.minhasaojose.com.br

Diante da crise no setor de viagens, Monize Chiconello Braga dedica a maior parte de seu tempo comercializando roupas em sua nova loja virtual

Reportagem e texto: Natália Tiezzi Manetta

Em meio à Pandemia do Novo Coronavírus, uma das áreas mais afetadas foi o Turismo. Viagens desmarcadas, cancelamentos, negociações, entre tantas outras medidas que as agências tiveram que tomar para que seus clientes não fossem prejudicados.

Com as viagens suspensas, muitos profissionais dessa área se viram preocupados com sua sobrevivência, como aconteceu com a agente de Turismo Monize Chiconello Braga, que há 12 anos trabalha na área e confessou que nunca havia passado por um momento tão difícil na carreira.

Entretanto, ao invés de lamentações, ela se reinventou profissionalmente e enxergou no caos da Pandemia uma oportunidade para colocar em prática uma atividade que sempre teve vontade de fazer, mas lhe faltava tempo: o comércio de confecções online.

Na entrevista, que Monize concedeu via Whatsapp, ela contou um pouco de sua carreira como Agente de Turismo e também sobre a Harmonize Store, sua nova loja virtual, que todos podem acessar pelo@harmonize_store. Confira mais um exemplo de que mesmo nas dificuldades surgem novas oportunidades!

Monize, há quanto tempo você trabalha como Agente de Viagens?

Monize Chiconello Braga: Faz 12 anos que sou agente de viagens, sendo 5 deles como funcionária em outra agência e 7 anos de Trip Turismo! A Trip surgiu como uma oportunidade de crescimento profissional. Na verdade não foi algo planejado com muita antecedência, foi uma vontade de desenvolver um trabalho diferente na área e ser mais valorizada profissionalmente, ter mais autonomia. E essa foi a melhor decisão que tomei. Hoje sou muito grata a todos os meus clientes e as pessoas que confiam e acreditam na Trip e em turismo personalizado, com atendimento capacitado e diferenciado.

Como você reagiu à Pandemia, já que o o Turismo foi uma das áreas mais atingidas economicamente?

Sinceramente, no começo eu não acreditava muito e nem imaginava na dimensão do problema, acho que como a maioria das pessoas, porque ainda não tinha chegado até nós e também não tinha se espalhado tanto.

Mas, naquela semana do dia 15 de março, a ‘ficha caiu’. Foi uma loucura para nós da área, porque estávamos todos perdidos sem saber qual tomada de decisão mais acertada, os clientes apavorados querendo cancelar as viagens, as operadoras e companhias aéreas sem políticas de contingência precisas em vigor para remarcarmos ou cancelarmos as viagens próximas agendadas, centrais de atendimento congestionadas – foi um caos! E nós, como intermediários, meio que de mãos atadas esperando os fornecedores informar o que poderíamos fazer. Agora estamos mais preparados para lidar.

Qual foi sua principal preocupação frente a tudo isso que está acontecendo?

Com certeza a principal preocupação é com a saúde de todos, mas não dá e nem tem como ignorar a situação financeira, vai ser muito difícil, pois será praticamente um recomeço para o Turismo porque não sabemos quais empresas irão resistir,. Além disso, o Turismo não é item de primeira necessidade e está associado a disseminação do vírus (por se tratar de trânsito).

E quando decidiu comercializar roupas?

Na verdade decidi quando começamos a trabalhar homeoffice, porque eu passo o dia remarcando ou cancelando as viagens já compradas, sem vendas de viagem, o que é óbvio, e preciso de uma renda porque como todos tenho minhas obrigações financeiras. E sempre foi uma vontade minha ter uma loja online de roupas que eu gosto de usar, porque moda é algo que eu gosto e sempre ouvi as pessoas dizerem que eu tenho bom gosto e estilo (modéstia à parte), mas não conseguia conciliar isso com a agência. Como daria para fazer isso de casa resolvi pôr em prática. E cá estou com a Harmonize Store.

Como as vendas estão ocorrendo e que tipo de confecção você comercializa?

Eu comercializo  marcas que não têm no nosso comércio local, porque não quero de forma alguma prejudicar ou competir com meus parceiros comerciais. São roupas femininas da moda, roupas de festa e casual com muito estilo, produtos de muita qualidade e que serão tendência. Ainda está bem devagar porque estou estruturando e também estamos em uma crise. Além disso as pessoas não estão podendo nem sair de casa para usar as roupas novas, mas, aos poucos, está acontecendo. As novas clientes estão adorando e incentivando. Isso para mim já é bem animador diante de um cenário caótico que vivi com o Turismo.

Por falar nisso, você pretende continuar no ramo do Turismo após esse período da Pandemia?

Com certeza! O Turismo é a minha paixão, o que de melhor sei fazer, a área que me deu oportunidade de crescimento profissional e pessoal. Sei que será um recomeço e que não será facil, mas depois de tudo isso eu vou ter mais força e argumento para incentivar as pessoas a viverem e explorarem o mundo. Viajar é enriquecimento pessoal e só quando a gente perde a nossa liberdade passa a dar valor nela! Acho que é bem nisso que vou focar!

Que mensagem você deixaria para as pessoas que também tiveram que parar suas atividades ou perderam seus empregos?

Aos empreendedores eu desejo muita força, fé e coragem para não desistirem dos ideais, porque todo empreendedor já é mais otimista que a maioria da população. Vai ser difícil, mas se agarrem na oportunidade do recomeço! Quem consegue uma vez, vai conseguir duas e quantas outras precisarem. Acreditem no potencial de vocês.Para quem perdeu seu emprego, talvez seja a oportunidade de se reinventar, não desanimem, saiam da zona de conforto, aprendam com o que a vida está nos mostrando. Se você não conseguir seu emprego naquela ou outra empresa, pensa que pode ser a oportunidade de mudança, todo mundo é capaz e tem algo de legal a oferecer. Por mais que esse momento esteja sendo crítico nós podemos tirar uma lição disso tudo. O mundo parou pelo inimigo invisível, para a raça humana, mas o planeta terra está respirando, desejo que a mensagem que a natureza está nos enviando também seja ouvida!!!

http://www.minhasaojose.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br