“Chip da Beleza”: Implantes hormonais melhoram a qualidade de vida de homens e mulheres

http://www.minhasaojose.com.br

O médico Roberto Teixeira Andreghetto explicou detalhes acerca do assunto, destacando seus inúmeros benefícios

Você já ouviu falar em “Chip da Beleza”. O procedimento, que já faz sucesso em grandes centros do país, está chegando a São José do Rio Pardo através da Clínica Prognosys. Mas, o que é esse chip e qual o motivo pelo qual homens e mulheres estão optando por ele para melhorar sua qualidade de vida?

Para falar sobre o assunto, o site minhasaojose entrevistou o médico Ginecologista e Obstetra Roberto Teixeira Andreghetto, que participou de vários cursos acerca desta nova técnica e falou um pouco sobre seus benefícios. Confira na entrevista abaixo e saiba que sua vida pode mudar para melhor a partir deste simples procedimento.

Natália Tiezzi Manetta: Dr. Roberto, o que é o “Chip da Beleza”?

Dr. Roberto: É um implante hormonal, no formato de pequenos tubinhos (chip), que são aplicados subcutaneamente, de preferência na região das nádegas ou glúteos, e liberam medicações a todo momento no corpo do paciente. Esse chip tem a duração de seis meses e é indicado para homens e mulheres.

Quais são os tipos de medicação liberadas pelos implantes hormonais?

Geralmente, os tipos de medicação são a Gestrinona, indicado para as mulheres, que é um hormônio progestagênico, com características androgênicas (semelhante aos hormônios masculinos). Já para os homens, a indicação é a Testosterona, aliado com a Hidrocortisona que, inclusive, também pode ser utilizado nas mulheres.

Quais os benefícios que estes hormônios trazem com relação à qualidade de vida de homens e mulheres?

No caso das mulheres, o implante hormonal diminui todos os sintomas da Tensão Pré Menstrual, pois a mulher fica sem menstruar, além de aumentar a libido, diminuir a flacidez, sendo que em alguns casos contribui até mesmo para a perda de peso. Já nos homens também acontece um aumento na libido, melhora no desempenho sexual e no condicionamento físico. E, aliado à Hidrocortisona, por exemplo, melhora consideravelmente a qualidade do sono, tanto nos homens, quanto nas mulheres, o que faz com que ambos tenham mais disposição para enfrentar o dia-a-dia cada vez mais agitado. Posso dizer, por experiência própria, já que uma pessoa da família está fazendo uso do chip da beleza, que a qualidade de vida melhora consideravelmente, uma vez que nosso organismo gira em torno dos hormônios, e quando todos estão em equilíbrio, a vida também fica mais equilibrada.

Qual a idade mínima para a implantação dos implantes hormonais? E quais as indicações?

A idade mínima, para ambos os sexos, é a partir dos 20 anos. Entretanto, a indicação é para reposição hormonal, feminina e masculina, o que ocorre por volta dos 40 anos para as mulheres e 45 anos para os homens, períodos em que há uma diminuição natural das cargas hormonais. É claro que para a realização do procedimento, seja em pacientes mais jovens ou com mais idade, é realizada uma avaliação, por meio de exames clínicos, para saber quais as suas necessidades hormonais e qual a dosagem exata de hormônios que deve ser administrada por meio do implante. Os implantes hormonais também são indicados para mulheres que sofrem de Endometriose e Síndrome do Ovário Policístico.

E como ocorre o procedimento para implantação do chip?

O procedimento é simples, feito aqui mesmo no consultório, através da administração de anestesia local. Os efeitos do implante hormonal já são sentidos a partir de 15 dias após sua implantação. Importante salientar que cada implante contem apenas uma medicação específica. No caso de administrar duas medicações, por exemplo, o procedimento será por meio da implantação de dois implantes.

Os implantes hormonais nas ampolas: Procedimento para implanta-lo é simples e feito no próprio consultório

Podem acontecer efeitos colaterais?

Sim, entre eles queda de cabelo, aumento da oleosidade da pele, acne, principalmente em doses excessivas destes hormônios. Por isso é essencial que o paciente passe por uma avaliação médica completa antes do procedimento justamente para não haver erros na dosagem hormonal a ser administrada.

Há alguma contraindicação?

Sim, em pacientes que desenvolvam alergias aos hormônios, além de pacientes que tiveram câncer de mama ou tem histórico familiar da doença. Ainda há questionamentos sobre o implante hormonal em pacientes que desenvolveram câncer de próstata ou que têm histórico familiar. Nestes casos, particularmente, também sugiro não fazer o procedimento.

Qual a importância da mudança no estilo de vida após a implantação do implante hormonal?

Na verdade essa mudança é essencial, tanto que após o paciente passar pelo procedimento é indicado que procure um nutricionista ou educador físico justamente para mudar os maus hábitos alimentares e iniciar uma atividade física. O chip da beleza não faz milagre… O seu efeito será muito mais satisfatório se aliado à uma alimentação saudável e uma vida sem sedentarismo.

Maiores informações, inclusive sobre valores, na Clínica Prognosys através do telefone 3608-4079.

http://www.minhasaojose.com.br
error: Caso queira reproduzir este conteúdo, entre em contato com os editores pelo e-mail: minhasaojose@uol.com.br